Todas as Religiões


Toda religião, qualquer que seja o seu ponto de vista filosófico, ensina em primeiro lugar a lutar contra o próprio egoísmo e a servir os outros. Infelizmente, às vezes em nome da religião, pessoas se batem em vez de resolver os problemas. Todos os praticantes deveriam compreender que cada tradição religiosa reveste-se de um imenso valor intrínseco, pois ela permite alcançar saúde mental e espiritual.

Todas as religiões no mundo têm os mesmo ideais de amor, o mesmo desejo de atingir uma grande humanidade por intermédio de uma pratica espiritual e o mesmo desejo de ver seus adeptos se tornarem seres humanos melhores. O objetivo comum de todos os preceitos morais revelados pelos grandes mestres da humanidade é a generosidade.

Todas as religiões estão de acordo quando à necessidade de controlar o espírito indisciplinado que abriga o egoísmo e as raízes de todos os problemas. E cada uma delas, à sua maneira ensina um caminho que conduz a uma estado espiritual pacífico, disciplinado, ético e sábio, ajudando assim os seres vivos a evitar a miséria e a viverem felizes.

Por tais razões, sempre pensei que todas as religiões, fundamentadas, têm a mesma mensagem.

Cada um de nós, a nossa maneira, pode propagar a compaixão nos corações das pessoas. Em nossos dias, as civilizações ocidentais dão grande importância à prática de “encher” o cérebro humano com conhecimento, mas ninguém me parece preocupado em encher o coração humano de compaixão. E esse o verdadeiro papel da religião

Dalai Lama – Livro Princípios de Vida – por Bernad Baudouin






2 comentários:

Du disse...

Os homens é que deturpam as religiões, Carol! É uma pena...

Beijão

disse...

Olá querida!

Lindo texto Carol, gosto dos ensinamentos orientais, principalmente do Delai.

espero que tenhas um final de semna bem gostoso junto aos seus.

Fique com Deus e na sua paz!

Rô!